Teste de gravidez salva a vida de adolescente de 18 anos

Fazia meses que ele sofria de dor estomacal e até mesmo os médicos não entendiam de onde poderia vir. Com poucas ou nenhuma solução, eles decidiram usar métodos não convencionais.

Byron Geldard, um inglês de 18 anos, saiu da escola e sentiu uma pontada de um lado da barriga. O médico assegurou-lhe que tudo estava bem e que devia ser uma dor muscular devido ao excesso de exercício.

No entanto, a dor intensificou-se. Durante outra visita médica, o médico descobre algo crescendo na barriga do adolescente.

Uma ecografia revelou o que a família temia desde o início: câncer. Pior, parece que afetou um pulmão. Ainda assim, os médicos tiveram dificuldade de descobrir qual tipo de câncer seria. Essa informação é crucial para iniciar o tratamento, e é uma questão de vida e morte.

Enquanto os médicos fazem o que podem para determinar as causas, Byron está agoniado. Assustado com os resultados, ele deixou a sala de exame e desmaiou. O jovem inglês descobriu que está gravemente doente e nem os médicos conseguiam ajudá-lo.

Byron é transportado para o Teenage Cancer Trust Center em Cambridge. Nesse lugar um médico decide recorrer a um método um pouco estranho: fazer um teste de gravidez no adolescente. Por incrível que possa parecer, o resultado é positivo.

Os testes de gravidez são realmente muito úteis para detectar câncer testicular, porque os hormônios secretadas por mulheres grávidas são as mesmas que homens que sofrem da doença.

Com o teste, Byron descobriu que ele tem câncer testicular no estágio 4. O câncer espalhou-se para o abdômen e para os pulmões. Byron inicia a quimioterapia e submete-se a uma cirurgia para remover os tumores presentes no abdômen e nos testículos.

O tratamento é efetivo. “Quase nem acreditei quando me disseram que estava curado, pensamos que tudo ia ficar bem, mas na nossa mente tudo mudou.

Antes da doença, pensava que viveria até os 85 anos, agora tomei consciência da minha própria mortalidade “, diz Byron. Agora, Byron aprendeu a aproveitar cada momento. E ele nunca vai esquecer que foi um teste de gravidez que lhe salvou a vida.

Um teste de gravidez salvou a vida de Byron. É uma história simplesmente incrível. Parabéns a este médico que teve a presença de espírito para usá-lo.