Profissionais da saúde compartilham fotos dos seus rostos feridos após usar equipamento de proteção o dia todo

Os profissionais de saúde não podem ficar em casa quando ocorre um surto, e como lidam diretamente com os pacientes, estão colocando as suas vidas em risco diariamente.

O trabalho deles é duro, mas ultimamente tem sido insuportável – chegam em casa exaustos, com hematomas pelo corpo e medo de que as coisas fiquem ainda piores no dia seguinte.

As situações de trabalho em que estão agora são terríveis, como se pode ver nas suas fotografias, especialmente aquelas em que mostram as marcas nos seus rostos após usar equipamentos de proteção o dia inteiro. Mesmo lidando com a tragédia e o pânico o dia inteiro, ainda dão tudo o que podem no trabalho, que é salvar vidas. Mesmo quando as coisas parecem sombrias, continuam.

O Dr. Nicola Sgarbi foi um dos primeiros profissionais de saúde que se tornou conhecido após publicar uma fotografia das marcas deixadas pela sua máscara. O médico italiano passou um turno de 13 horas no hospital tentando ajudar as pessoas que testaram positivo para o novo Coronavírus, junto com outros doentes que entraram no hospital com outras doenças.

“Eu não gosto de selfies, mas ontem tirei esta. Depois de 13 horas na emergência, após tirar todo o equipamento de proteção, era este o meu estado”, escreveu o Dr. Nicola.

Na fotografia, é possível ver linhas vermelhas profundas em resultado do uso de equipamentos de proteção. Rapidamente, pessoas de todo o mundo deixaram mensagens de amor e respeito na sua página.

“Não sou e não me sinto um herói. Eu sou uma pessoa normal, que ama o seu trabalho e que, agora mais do que nunca, tem orgulho nele. Dou tudo na linha de frente, junto com outras pessoas maravilhosas”, respondeu o Dr. Nicola.

Alessia, uma enfermeira italiana, escreveu no Instagram que está “fisicamente cansada porque os equipamentos de proteção são de má qualidade, fazem suar, e depois de colocados não é possível ir ao banheiro nem beber ou comer durante 6 horas”.

Alessia Bonari l'infermiera di Grosseto che ha commosso il web ...

Estas fotografias também servem como lembrete de que as pessoas devem ficar em casa. Mesmo se você for jovem e relativamente saudável, pode sempre transmitir o coronavírus a alguém que não é. Ficando em casa, está a ajudar a garantir a disponibilidade de camas hospitalares para as pessoas necessitadas.