Os cães encaram seus donos como se fossem seus pais, diz estudo

Uma pesquisa liderada pela veterinária Lisa Horn, da Universidade de Viena, Áustria, demostrou que os cães encaram seus donos como fossem seus pais.

Para chegar a essa conclusão, foram utilizados 22 cães na pesquisa. Eles foram separados da seguinte maneira: um terço deles foi separado dos donos. Dos que sobraram, metade deles ficou com seus donos, que permaneceram em silêncio durante o estudo e os demais, ficaram com seus donos, que estimulavam-nos a brincar e em troca ganhariam algum alimento.

acasalar, adorável, adulto

Em seguida, os cães foram colocados na presença de pessoas estranhas. A que conclusão chegaram? Os pesquisadores notaram que os animais colocados na presença de pessoas estranhas não apresentaram nenhum estímulo nem com os brinquedos nem com os alimentos.

Segundo a pesquisadora, os dados provaram que os cães ficam mais seguros, confiantes e confortáveis na presença dos donos.

Foto profissional grátis de abraçando, abraço, afeição, alegre

“Esta é a primeira evidência da similaridade entre o ‘efeito de base segura’ encontrado na relação dono-cachorro e na criança-pai”, diz a pesquisa.

Fonte: Superinteressante