Morador de rua pergunta a funcionário do Burger King: “o que me dão por R$1,50?”. A sua resposta foi incrível

Quando encontramos alguém que precisa de ajuda, temos duas opções: ignorar ou ajudar. Há uma tendência óbvia para ajudar as pessoas que conhecemos bem, como familiares e amigos íntimos, mas quando nos encontramos com estranhos, especialmente moradores de rua, estamos mais relutantes em ajudar.

Resultado de imagem para homeless shopping cart new york

Embora gostamos de poder ajudar todos os que cruzam o nosso caminho, nem sempre é possível fazê-lo.

 

Mas este funcionário do Burger King, um jovem chamado Matthew Resendez, fê-lo numa noite em que estava trabalhando e um morador de rua entrou no estabelecimento. Não era comum Matthew servir moradores de rua no restaurante, mas este em particular fez-lhe uma pergunta incomum.

O homem aproximou-se do balcão e perguntou: “o que posso comer com 50 cêntimos (R$1,50)?”. Matthew poderia ter respondido a verdade: “nada, 50 cêntimos nem dão para comer a menor das entradas do menu”.

Mãe de Matthew

Porém, o jovem respondeu de forma diferente: procurou no menu a melhor comida que tinha e pagou do próprio bolso.

 

A história não termina aqui. Um cliente reparou no gesto gentil de Matthew e quis ajudar pagando… e adicionando uma gorjeta de US $ 100 (R$300,00) para ele!

Resultado de imagem para matthew burger king homeless

A mãe de Matthew, Michelle Resendez, ao ouvir a história, ficou muito orgulhosa do seu filho e publicou o sucedido no Facebook, acrescentando o seguinte:

“Tenho muito orgulho de ser mãe do Matthew e sinto-me parte desta história na medida em que ajudei a educar este jovem com um coração de ouro. Possivelmente, se tivesse sido atendido por outro empregado, o morador de rua teria saído do restaurante sem nada para comer, mas o Matthew não é esse tipo de pessoa. Ele é um jovem excepcional que quer mudar a maneira como se cuida das pessoas pobres e moradores de rua, e foi recompensado por isso.”