Mãe corajosa doa parte do seu fígado a uma criança que nunca tinha visto antes

Esta é a história de Robin Bliven, uma jovem mãe que nunca pensou que tudo mudaria quando se juntou a um grupo de mães no Facebook.

Nesse mesmo grupo, Robin fez novas amizades com mulheres que nunca conheceu pessoalmente, e recebeu muito conforto e apoio moral depois de contar que o seu filho pequeno, Cal, tinha câncer no fígado.

Resultado de imagem para nurse

“As pessoas podem dizer o que quiserem sobre os grupos do Facebook, mas a verdade é que quando o Cal precisava do fígado de um doador saudável para sobreviver, mais de 100 mães do meu grupo se ofereceram para ser examinadas como potenciais doadoras”, diz Robin.

Após dezenas de exames, finalmente encontraram a doadora ideal: Andrea, uma das mães do grupo de Robin, que não hesitou em viajar centenas de quilômetros até ao hospital onde estava Cal, uma criança que nunca tinha conhecido. “Ele também é nosso filho”, disse ela.

“Amanhã, o meu filho passará por uma operação de 10 horas para obter uma parte do fígado de uma mãe que nunca conheceu antes, exceto pelo Facebook”, comunicou Robin.

Felizmente, tudo correu bem e Andrea voltou para casa após 14 dias no hospital. A sua família está profundamente orgulhosa da sua boa ação.

O pequeno Cal também se encontra bem, e foi possível retirar-lhe o tubo pelo qual costumava ser alimentado.

Apesar do seu gesto, Andrea não deseja ser vista como uma heroína. “Gosto de pensar que se um dos meus filhos precisasse dessa ajuda, o grupo de mães teria feito a mesma coisa”, explicou.

Esta história realça a importância dos doadores vivos de órgãos, tão nobres e necessários, que ajudam a salvar vidas.