Homem idoso faz sujeira nas calças na loja, os funcionários rodeiam-no, mas mulher preserva a dignidade dele

Não é bom quando você se depara com histórias e pessoas que instantaneamente lhe devolvem a esperança na humanidade?

Pois bem, esta uma daquelas histórias, então continue lendo.

Esta história reflete a força e vínculo que as pessoas continuam a ter entre si, apesar de todos os conflitos que ocorrem no mundo. Momentos de solidariedade como Lisa teve, com um homem que precisava de ajuda, e mais tarde o pessoal da loja, são provas que mostram que “os seres humanos ainda se preocupam uns com os outros”.

Lisa Lemming Jackson, uma mulher da Geórgia, EUA, estava comprando no supermercado, num dia como qualquer outro no mês de agosto, e de repente ela encontrou um homem que parecia precisar de ajuda.

Era um homem idoso em cujos olhos se viam que estava em pânico, mas Lisa não sabia o porquê.

Ao parar para observá-lo, ela percebeu que algo estava errado.

Leia as palavras de Lisa sobre o que aconteceu no parágrafo seguinte:

“Passei duas horas com um idoso em Kroger. Tudo começou quando eu sorri para ele e me olhou nos olhos. E como eu passei ao seu lado, tive a impressão de que ele precisava de algo. Eu me virei e perguntei-lhe se queria ajuda. Seus olhos estavam cheios de lágrimas e disse o seguinte:

Eu tenho câncer de cólon e eu tive um acidente. Se eu me levantar todo mundo vai notar… O que posso fazer?

O olhar da dignidade perdida me deixou com um gosto amargo na boca.

Então a equipe de Kroger ( supermercado) conseguiu algumas toalhas, roupas íntimas e discretamente levou-o para o banheiro dos empregados onde trocou as roupas.

Ele chorou e se desculpou, disse que estava com pressa porque sua esposa estava sozinha em casa.

Quando fomos para o caixa, vimos a sua compra em sacos já pagos.

Ele começou a chorar mais alto.

O homem explicou-nos que ele havia lutado no Vietnã e na guerra da Coreia e que amava seu país. Mas hoje ele acreditava que seu país havia se esquecido dele.

Nós choramos e compartilhei com ele meus próprios problemas e medos…Ele me ofereceu algumas palavras sábias e me encorajou pelo fato de que talvez os seres humanos ainda se importavam uns com os outros”.

Lisa é um exemplo claro e excelente que pequenas ações podem obter grandes coisas para alguém, você não acha?

O que você teria feito em vez disso? Compartilhe esta história com seus amigos!