Gastrite: alimentos que deve evitar e os que pode comer

A gastrite é um distúrbio que afeta muitas pessoas. É uma condição patológica causada por vários fatores, alguns de natureza endógena (que se origina no interior de um organismo), outros, resultantes de condições externas.

Fala-se de gastrite quando há inflamação da mucosa gástrica, ou seja, das paredes do estômago, que se manifesta através de sintomas dolorosos como queimadura, náuseas, cólicas e inchaço.

Por trás do distúrbio podem estar desequilíbrios dietéticos, o abuso de substâncias prejudiciais ao estômago, como o álcool e o cigarro, ou estresse severo, nervosismo e eventos traumáticos que causam tensão.

Dependendo se a inflamação é leve ou mais intensa, a primeira maneira de intervir e evitar o agravamento da condição é através de uma dieta controlada, na qual certos alimentos considerados irritantes para a mucosa devem ser reduzidos ou eliminados.

Vamos ver então o que comer e o que evitar na dieta em caso de gastrite.

Alimentos que deve evitar:
Café
Açúcar
Alimentos quentes
Carne vermelha
Álcool
Condimentos fortes (molho de soja, pimentão, ketchup, mostarda)
Refrigerantes
Alimentos fritos
Gorduras
Molho de tomate
Frutas ácidas (limão, laranja, tangerina, maracujá, abacaxi, kiwi, morango)
Sucos ácidos (limonada, suco de laranja, suco de abacaxi)
Alimentos que contêm cafeína
Alimentos congelados
Alimentos industrializados
Gomas de mascar (porque provocam a produção de ácido no estômago).

Alimentos que pode consumir
Repolho, hortelã-pimenta, gengibre, chás de ervas, vegetais crus e frutas em abundância.
Beba muita água entre as refeições.
Alho
Brócolis
Coentro, salva, salsa, tomilho, endro, manjericão, anis, cominho, hortelã-pimenta.
Substitua a laranja clássica por laranja lima, que é mais doce e menos ácida.
Substitua o café por uma versão descafeinada. Café, chá, chá mate e chocolate têm cafeína, o que estimula a produção de ácido no estômago. Isso não acontece com o café descafeinado.
Ao comer alimentos fritos, prepare-os em uma frigideira de Teflon, sem óleo, ou grelhá-los. O problema com os alimentos fritos é o óleo utilizado.

Bons hábitos para prevenir a gastrite
Não há idade mínima para ter gastrite, nem os bebês são imunes. Mas os médicos explicam que existem algumas medidas preventivas, especialmente em relação aos cuidados dietéticos que podem ser implementados:

Comer sempre devagar
Mastigar bem sua comida
Comer a cada 4 horas
Evite refrigerantes, alimentos fritos e industrializados, cigarro e abuso de álcool.