Filha foi proibida pela mãe de casar com o namorado. 60 anos depois, recebe esta carta

Hoje vamos contar-lhe uma linda história de um amor proibido, que ocorreu há mais de 60 anos.

Um homem estava andando pela rua quando reparou numa carteira perdida e com aspecto bastante antigo, que tinha no seu interior 3 dólares e uma carta amassada.Resultado de imagem para Casamento

A carta, que datava de 1924, era de uma jovem chamada Hannah e dirigia-se a um rapaz com o nome Michael. Hannah escreveu que o amava, mas que não podiam continuar vê-lo, pois a sua mãe não deixava.

Comovido com a história de amor proibido, o homem ligou para uma operadora com o objetivo de descobrir a quem pertencia o número de telefone escrito no envelope.

“Nós compramos esta casa de uma família que tinha uma filha chamada Hannah, mas isso já foi há mais de 30 anos”, contou a atual dona do número de telefone, que se lembrou que a mãe de Hannah tinha estado num asilo e forneceu o número.

O homem ligou para o asilo, onde informaram que a mãe de Hannah já tinha morrido e que a filha se encontrava numa casa de repouso. Sem hesitar, o homem decidiu ir visitá-la.

“Meu jovem, esta carta foi a última vez que contatei o Michael. Eu amava-o muito, mas tinha apenas 16 anos e a minha mãe achou que eu era muito nova. Nunca casei, acho que nunca ninguém se comparou ao Michael. Se você o encontrar, fale que penso nele a todo momento”, pediu Hannah, visivelmente emocionada.

Preparado para ir embora, o homem cumprimentou o guarda, que lhe perguntou se Hannah tinha conseguido ajudar.

“Ao menos tenho o último nome… passei quase todo o dia procurando o dono desta carteira”, respondeu.

Depois de observar a carteira, o guarda exclamou: “espere… essa é a carteira do Sr. Goldstein, um idoso aqui da casa de repouso!”.

O homem dirigiu-se imediatamente a uma enfermeira e pediu para visitar o Sr. Goldstein, a quem devolveu a carteira, revelando-lhe que sabia onde estava a sua amada Hannah.

Juntos, dirigiram-se ao terceiro andar, ao encontro da idosa, que mal conseguia acreditar no que estava a acontecer.

“Michael! Não acredito! É você, o meu Michael!”, dizia Hannah. Os presentes não conseguiram evitar as lágrimas, diante da alegria do casal, que teve a oportunidade de se reunir após 60 anos.

Leia mais:

+ Seus 2 filhos desapareceram sem deixar rastro, mas 3 anos depois, eles reaparecem e batem em sua porta

+ Homem encontra um estranho “filhote” na sua cama: poucos meses depois ele se torna o mais adorável dos animais

+ Menina de 13 anos tira a própria vida após ser abusada – e a sua mãe revela carta onde ela conta a dolorosa verdade

Passadas 3 semanas, o homem que tinha encontrado a carteira do Sr. Goldstein recebeu uma chamada que o deixou profundamente feliz: era um convite para ir ao casamento de Michael e Hannah… e na qualidade de padrinho!

Uma história de amor proibido com um final feliz, que merece ser COMPARTILHADA!