Esta mãe com um bebê de 4 meses ao colo foi o centro das atenções quando distribuiu saquinhos aos passageiros no avião

Não é fácil cuidar de um bebê de um mês de idade, e muito menos levá-lo para um outro país de avião. Às vezes, as crianças podem causar situações inesperadas, sendo impossível para os pais estarem sempre preparados.

No caso desta jovem mãe e de seu bebê, os dois estavam a bordo de um voo para o outro lado do mundo, e ela estava preocupada que a menina perturbasse os passageiros e a tripulação. Então, entregou a todos um saquinho com objetos úteis e brindes, gesto que deixou todos sensibilizados.

Resultado de imagem para Passageiro

No dia 12 de fevereiro, Dave Corona estava preparando-se para um voo longo de Seul, Coreia do Sul para São Francisco, EUA. Seria um voo de dez horas e havia muitos passageiros – e entre eles o bebê de quatro meses mencionado acima.

Seria normal esperar alguma agitação por parte do bebê, mas o que Dave não esperava era receber um saquinho de doces da mãe da menina.

Era pequeno, mas lá dentro estavam alguns doces coreanos e tampões para os ouvidos. Havia também uma nota que tocou o coração de todos:

“Olá, sou a Junwoo e tenho 4 meses. Hoje estou indo para os EUA com a minha mãe e a minha avó para ver a minha tia. Estou um pouco nervosa e assustada porque é o meu primeiro voo na vida, o que significa que posso chorar ou fazer muito barulho. Tentarei ir em silêncio, embora não possa fazer promessas. Por isso, a minha mãe preparou saquinhos para vocês, com alguns doces e tampões de ouvidos. Por favor use-os se for muito barulhenta. Aproveite a sua viagem. Obrigada!”

Isso certamente surpreendeu todos os passageiros – ninguém iria tão longe para evitar incomodar os outros! Dave e o resto da tripulação e passageiros ficaram impressionados.

Resultado de imagem para crystal

Dave é cinegrafista e tirou fotos do saquinho, do bilhete e da jovem mãe com o bebê e compartilhou-as na sua conta do Facebook. A publicação viralizou e os elogios à mulher não pararam de chegar.

Algumas pessoas tiveram curiosidade de saber se os passageiros tiveram realmente que usar os tampões de ouvido… e acontece que não houve necessidade! O bebê ficou em silêncio e em paz durante todo o voo.

Não é uma tarefa fácil fazer mais de 200 saquinhos para estranhos, por isso esta mãe certamente tem o nosso respeito.