Alimentos aliados na recuperação pós-Covid

Uma boa nutrição é um aspecto essencial para permanecer saudável e fortalecer nosso sistema imunológico, responsável pelo combate a doenças e infecções tão complexas quanto o novo coronavírus.

Você deve sempre incluir macronutrientes como proteínas, principalmente de origem animal: carne bovina, frango, peixe, ovos, produtos lácteos ou miúdos.

'

Os legumes e pelo menos duas porções de frutas também devem ser incluídos nas refeições. Eles fornecem vitaminas e minerais que fortalecem o sistema imunológico.

Também o consumo de leite magro ou iogurte, sucos naturais, que tenham uma quantidade significativa de vitamina C.

Essa é uma vitamina muito importante que ajuda a fortalecer o sistema imunológico. É um ótimo antioxidante, evitando constipações. Não esqueça que a vitamina C é muito volátil, ela evapora rapidamente. É também muito sensível à luz. Se o suco de mamão ou laranja for preparado, deve ser bebido o mais rápido possível. Caso contrário, poderá consumi-los em sua forma natural.

Os pratos devem ser compostos de alimentos de origem animal (frango, carne, carne de porco, peixe, miudezas, entre outros) que não devem exceder o tamanho da palma da mão.

Os carboidratos, responsáveis por nos dar energia, são encontrados em tubérculos (batatas, batata- doce, mandioca, etc.), leguminosas (todos os vegetais), cereais (arroz, trigo, aveia, quinoa, etc.). Eles devem estar presentes em todas as refeições principais e de preferência não devem exceder o tamanho do nosso punho.

Os legumes, que nos fornecem vitaminas, gorduras saudáveis e vários nutrientes, devem ser consumidos regularmente e em quantidades abundantes.  A quantidade é a medida de duas mãos abertas e unidas, que é metade do prato.

O café da manhã pode ser composto por um cereal ou um alimento lácteo (iogurte, leite ou queijo). Um sanduíche pode conter vegetais ou carne e acompanhado de uma bebida: leite, entre outros.

O arroz sempre que possível pode ser substituído por outros alimentos que também forneçam energia, como mandioca, batata-doce, trigo ou quinoa.

Nozes ou frutas poderiam ser consumidas entre as refeições principais, sempre evitando alimentos processados, com altas quantidades de açúcar, sódio e gorduras trans, que não vão nos ajudar a recuperar nossa saúde.

Um aspecto muito importante é a hidratação. Beber água fervida ou engarrafada, sopas de legumes, sopas de carne sem gordura ou chás de ervas.

Evite refrigerantes, sucos engarrafados ou bebidas esportivas, pois eles não fornecem nutrientes. Eles são ricos em cafeína, taurina, estimulantes que poderiam modificar a ação dos antibióticos ou anti-inflamatórios.