A importância de ensinar as crianças a dizer: “por favor!”, “obrigado!” e “bom dia!”.

Resultado de imagem para dire e fare buongiorno

Os valores nunca deveriam sair de moda, por isso não devemos desistir de ensinar nossos filhos a dizer: “por favor!”, “obrigado!” e “bom dia!”.

É horrível chegar a um lugar e que dizer “bom dia!” e ninguém te responder, podemos comparar com uma criança que exige coisas e em nem sequer agradece quando as recebe.

Ensinar nossos filhos a usarem essas palavras mágicas, não só produzem benefícios em seu desenvolvimento emocional, também ajuda-os a ter melhores relacionamentos com os outros, a ser mais maduros e outra coisa muito importante, a ser empático.

Por quê? Simples. Essas palavras, além de serem contagiosas entre as pessoas, vêm carregadas de emoções que são transmitidas quando as dizemos, como dizer “eu te amo” ou “você é importante para mim”. O que abrirá as portas do mundo em que vivem e, portanto, será mais fácil de se conectar com os outros.

Ensiná-los não é forçá-los a nada, muito menos impormos algo, eles não precisam cumprimentar as pessoas com um beijo, mas dizer “bom dia!” será sempre um gesto harmonioso, que também irá ensiná-los a reconhecer outras pessoas.

Dizer “obrigado!”, mostra-lhes que eles não são os únicos neste planeta e que eles não podem sempre ter tudo o que querem. Além de ensiná-los a trabalhar a frustração quando dizemos não, temos que ensiná-los a ser gratos quando eles obtêm um sim, porque essas palavras mágicas estão ensinando-lhes todo o esforço que é necessário para alcançar as coisas e o que as pessoas fazem por elas.

As crianças que usam essas palavras desde a infância, quando crescem, esperam ser reconhecidas e respeitadas, e também vão procurar outros que as tratarem com a mesma bondade.

São valores que não podemos deixar que nossos filhos percam, por isso devemos colocá-los em prática no lugar que convivemos, e isso, sem dúvida, melhora o convívio social.