A foto comovente do médico abraçando um paciente idoso em lágrimas: “Eu quero ir para casa para ficar com a minha esposa”

Covid-19 model predicts death toll might triple by mid-January - CNN Video

Um abraço reconfortante de um médico em um paciente idoso viralizou nas redes sociais. A foto que correu o mundo, que foi tirada em um hospital, em Houston, Texas (EUA), é do médico Joseph Varon.

'

Varon é chefe da equipe médica da ala que cuida de pacientes com Covid-19. Ele contou que, na ocasião, viu um paciente idoso “fora da cama e querendo sair do quarto”.

“E ele estava chorando. Eu cheguei perto dele e perguntei-lhe o porquê. Ele disse que queria estar com a sua mulher. Então, apenas o abracei. Eu fiquei muito triste, assim como ele, e tive muita pena”, disse Varon.

“Eventualmente sentiu-se melhor e parou de chorar. Não sei como não desmoronei. As enfermeiras também choraram muito”, acrescentou.

Segundo o médico, a sensação de estar num lugar confinado, e sem poder fazer nada, é muito ruim. “Você pode imaginar. Estar dentro de uma sala onde as pessoas entram em trajes espaciais. Quando se trata de um idoso, é ainda mais difícil porque está sozinho. Alguns deles choram. Alguns deles tentam fugir. Na verdade, tivemos uma pessoa que tentou escapar por uma janela no outro dia”, contou Varon.

Joseph disse que o idoso, que aparece na fotografia, está bem melhor. “Esperamos que antes do final da semana ele possa sair do hospital”, afirmou.

O médico fez questão de compartilhar uma mensagem com as pessoas que não estão dando importância à Covid-19.

“As pessoas andam em bares, restaurantes, shoppings… É uma loucura. Não ouvem e acabam na unidade de cuidados intensivos. Precisam saber que não quero ter que abraçá-las, e precisam fazer as coisas básicas – manter a distância social, usar máscara, lavar as mãos e evitar ir a lugares onde há muita gente. Se fizessem isso, profissionais de saúde como eu poderiam descansar”, finalizou.