A bela vida falsa que muitos sentem a necessidade de mostrar

Resultado de imagem para falsa vida das redes sociais

Neste momento, as pessoas estão tão preocupadas em se exibir e agradar os outros que perdem completamente sua essência. O ego e a vaidade seduzem qualquer um e nós estamos nos afastando cada vez mais do que nós somos.

Exibicionismo, a droga mais forte para o ego
Como diz no pequeno príncipe “o essencial é invisível aos olhos”, é por isso que as pessoas preferem concentrar-se em tudo o que podem mostrar e vangloriar-se. É como uma droga do ego para demonstrar “sucesso” e vidas verdadeiramente invejáveis, mas com o tempo, aqueles que agem desta forma perdem a noção da realidade.

As pessoas se concentram tanto na vaidade e no ego que logo se convencem de realidades que não existem. Aquele que não se acredita dono de tudo, a pessoa mais simples se considera rodeado de inimigos que o invejam, aquele que nunca empreendeu nada se acredita um guru do sucesso e assim por diante. Eles são simplesmente drogados, não têm noção da realidade, porque a presunção é uma droga muito forte.

E como todas as drogas, a presunção causa danos terríveis a médio e longo prazo. Assim como as drogas prejudicam o corpo e a mente de quem as usa, a presunção prejudica a identidade e as relações daqueles que delas vivem.

Não viva através de uma tela, há um mundo para experimentar
Agora há aqueles que viajam só para fotografar as paisagens, há aqueles que comem só para compartilhar a fotografia da comida, há aqueles que encontram amigos só para mostrar a alegria da “amizade”. Diante de tudo isso nos perguntamos, eles estão mesmo vivos?

Estas pessoas vivem sob a ditadura das câmaras. Eles não podem viver um momento sem capturá-lo e vangloriar-se dele. Como era bonito quando simplesmente nos sentávamos para comer, quando os encontros com amigos não se tornavam uma coleção de fotografias, quando viajávamos para vivenciar a vida com mais intensidade.

E não é que seja ruim compartilhar alguns momentos nas redes sociais, mas se você chegou a sentir a ansiedade insaciável de ter que compartilhar tudo que você faz ou vive, então você já está viciado na aprovação do coletivo. Você quer, a todo custo, mostrar que está feliz.

A felicidade não é demonstrada ou compartilhada em redes sociais. Não há como. Porque a felicidade está escondida nas essências, e uma coisa é certa, nas redes sociais há pouca ou nenhuma essência, apenas aparências.

Então como escapamos daquele monstro insaciável que nos seduz a partilhar tudo e a aparecer? Negue-se a si mesmo, só então você encontrará essências verdadeiras que o levarão ao próximo nível, para experimentar a vida e ter as melhores imagens dos momentos mais memoráveis na sua cabeça. Eles serão o seu tesouro para sempre.

Fonte: habitosvida.com