9 alimentos que combatem a má circulação sanguínea

A má circulação é um problema que atinge todas as idades e sexos, embora seja mais comuns entre os idosos e mulheres, especialmente as grávidas.

Pernas pesadas e inchadas, além de varizes, são os sintomas mais comuns. Com aumento do calor, o problema se agrava. Neste post, trazemos para 9 alimentos que ajudam a combatê-la.

Bagas de Goji:

É uma poderosa fonte de oxidantes e vitaminas, podendo ser ingeridas em saladas, iogurtes ou até mesmo sozinhas.

Alho:

O consumo de alho, especialmente o cru, é um aliado em melhorar a circulação sanguínea.

Salmão:

É um peixe rico em ômega-3 e em ácidos graxos (substâncias que favorecem a circulação sanguínea). Mas é importante alternar o consumo entre peixes gordos e magros.

Foto profissional grátis de alimento, almoço, close

Pimenta Caiena:

O fruto picante contém capsaicina: uma substância que diminui o colesterol e o, triglicerídio. A capsaicina estimula a circulação sanguínea, impedindo que placas de gordura fiquem presas nas artérias. Mulheres grávidas não podem consumi-la.

Cúrcuma:

É uma especiaria que contém muitos componentes importantes para a saúde: antioxidantes, anti-inflamatórios e antisséptico. O consumo do tubérculo evita a formação de placas nas artérias.

Foto profissional grátis de açafrão, borrão, canela

Chocolate:

Diferente do que as pessoas pensam, é um dos alimentos mais recomendados para quem problemas de má circulação. O mais recomendado é o consumo do chocolate com teor de cacau acima de 70%.

Chá verde:

Contém substâncias antioxidantes que facilitam a circulação sanguínea. O ideal é tomar três xícaras da infusão diariamente.

Melancia:

É um fruto com propriedades diuréticas e também antioxidantes. Pode ser inerida sem moderação, por quem tem problemas de má circulação.

Foto profissional grátis de agradável, alimento, atualização

Gengibre:

É uma especiaria com muitas propriedades terapêuticas: anticoagulante, vasodilatadora, digestiva, anti-inflamatória, antiemética, analgésica, antipirética e antiespasmódica. Pode ser consumido: cortado em pedaços ou raspado sobre os alimentos.