5 temperos que você pode cultivar em casa e que crescem rápido

A primavera é a estação ideal para aqueles que gostam de cultivar temperos. A maior satisfação reside na simplicidade do cultivo, na falta de comprometimento que necessitam e no prazer de tê-los em casa sem qualquer poluente.

Não vamos esquecer que eles podem embelezar a nossa casa, decorar a nossa mesa e enriquecer os nossos pratos. Aqui está uma lista de 5 plantas (temperos) que não podem faltar na nossa cozinha:

Hortelã: diferente da maior parte das ervas próprias para chá, que devem mesmo ser plantadas sozinhas, a hortelã gosta de crescer em jardineiras, ao lado de outros diferentes temperos.

Leve em conta:
1.Não precisa da exposição direta ao sol – garanta apenas alguma luminosidade;
2.As regas devem ser muitas e diárias e fartas, mas nunca de forma a encharcar a terra;
3.Livre-se, sempre que puder, das folhas secas – elas podem prejudicar o crescimento das folhas mais novas;
4.A primeira colheita deve ser feita mesmo antes da etapa da floração. Nesta altura, comece pelos galhos mais verdes e altos.

Alecrim: o alecrim pede para ser plantado em vasos que tenham, no mínimo, 30 cm de profundidade e 20 cm de diâmetro. No caso das jardineiras comuns, afaste-os das outras espécies.

Leve em conta:
1.Escolha um local com boa iluminação direta;
2.O alecrim não gosta e não precisa de muita água – se deixar a terra encharcada vai matar a planta, por isso, regue apenas duas vezes na semana;
3.Se plantar as sementes, deve esperar 90 dias para a colheita;
4.Se plantar a muda em crescimento, pode colher o tempero cerca de 10 dias depois;
5.Quando for colher o alecrim, corte só as pontas dos seus ramos.

Salsa: para plantar salsa, escolha vasos que tenham uma altura de 30 cm, no mínimo e tenha especial atenção à luz.

Fique conhecendo as dicas essenciais aqui:
1.Recomendamos que a salsa plantada no vaso tenha, no mínimo, 5 horas de exposição direta ao sol – todos os dias;
2.A rega somente deve ser feita quando a terra se mostrar seca – a melhor forma de confirmar é usar as pontas dos dedos sobre o substrato;
3.Os talos podem ser colhidos num intervalo entre 60 a 90 dias depois do plantio por sementes;
4.Quando fizer a colheita, lembre-se que deve deixar, no mínimo, 1 cm de crescimento para permitir que os caules continuem a desenvolver.

Coentro: sabia que, curiosamente, as sementes do coentro podem ser plantadas a qualquer altura, exceto nos meses de inverno? Isso porque necessitam de algum calor para crescerem. Quer saber mais?

Tome nota:
1.O substrato deve ser muito fértil, por isso, enriqueça-o com alguma matéria orgânica que seja indicada – como o esterco;
2.Garanta uma boa drenagem regular;
3.A luz do sol é fundamental para realçar o sabor do coentro;
4.Regas periódicas devem garantir a umidade do solo, que nunca deve estar encharcado;
5.No caso do plantio feito através de sementes, espere entre 30 a 70 dias para colher – a contar da germinação.

Orégano: sabia que os nossos adorados orégano podem chegar a ter 50 cm de altura? Para isso, deve ser plantado em solo fértil e ter o substrato rico em matéria orgânica. Quer mais dicas sobre como plantar este tempero aí em casa?

Dicas aqui:
O orégano gosta de crescer em clima ameno, com calor moderado;
Aposte na exposição direta ao sol por, pelos menos, 4 horas por dia;
A rega deve ser diária, mas sem encharcar;
Espere que a planta cresça até uma altura de 20 cm para começar a colher;
Quando colher os ramos, deixe-os por uns dias em local arejado.

Fonte: Ekonomista