Homens que casam com mulheres resmungonas ou irritantes são mais felizes e saudáveis, diz pesquisa

Homens que casam com mulheres resmungonas são mais felizes e saudáveis. O “mau humor” feminino parece fazer bem à saúde dos homens, segundo uma investigação norte-americana realizada recentemente.

Lidar com esse tipo de mulheres que passam a vida reclamando, não é fácil, mas a verdade é que o “mau humor” feminino parece fazer bem à saúde masculina, segundo esta recente investigação norte-americana.

Resultado de imagem para nagging wife

O estudo conduzido pela Universidade de Michigan, EUA, revelou que os homens que estão casados com mulheres que apresentam esse comportamento ou os que têm namoradas ou noivas “irritantes” são mais saudáveis.

O estudo foi realizado com 1.228 casais durante cinco anos e chegou à conclusão que os homens que têm mulheres que “reclamam” ou “pegam no pé”, são mais saudáveis do que aqueles que têm mulheres “boazinhas”.

Homens que reclamam que as suas esposas são chatas e resmungonas são comuns, mas segundo estudo realizado pela Universidade de Michigan, este tipo de relação pode trazer benefícios para a saúde do parceiro.

“A descoberta mais surpreendente foi que, para os homens, o aumento na característica supostamente negativa do casamento diminuiu o risco de desenvolver diabetes e aumentou as probabilidades de tratar a doença assim que ela apareceu”, disse o especialista. Diabetes requer controles constantes e as mulheres repreendem seus maridos para se submeter a eles, o que causou tensão no casal, mas melhorou a saúde dos homens.

Porém, o mesmo não acontece com as mulheres: “Para as mulheres, um bom casamento estava ligado a um risco menor de ter diabetes cinco anos depois. Elas são mais sensíveis do que os homens à qualidade dos relacionamentos e têm maior probabilidade de experimentar uma melhora em sua saúde graças a uma relação de boa qualidade”, afirmou o pesquisador.